Vida de estudante não é nada fácil em vários aspectos. Em primeiro lugar, há um volume imenso de matérias e provas para estudar, além de trabalhos para entregar. Em segundo lugar, geralmente, a grana é curta, então é preciso economizar. Mas há alguns benefícios que podem ajudar nessa hora, como ter direito a pagar meia-entrada em shows e cinemas. Mas, para isso, é preciso ter a carteirinha estudantil e saber como obter o documento. Nós vamos ajudar.

Em resumo, a carteirinha estudantil, ou Documento Nacional do Estudante, é muito mais do que um documento para conseguir descontos. É uma espécie de identidade do estudante, com certificação e padronização pela União Nacional dos Estudantes (UNE). Ou seja, é diferente da carteirinha de identificação estudantil que a sua instituição de ensino emite, por exemplo.

Pela lei 9394/96, somente essa carteirinha confeccionada por entidades nacionais é que tem validade para conseguir os descontos de meia-entrada em todo o território nacional. Portanto, ao querer utilizar outro tipo de documento, ou até o atestado de matrícula, por exemplo, para comprovar que você é estudante na fila do cinema, você poderá ser barrado.

O Documento Nacional do Estudante pode ser emitido pela internet, ao custo de R$ 35, somente por estudantes, de ensino a distância ou presencial. O único pré-requisito é estar regularmente matriculado no ensino infantil, fundamental, médio e técnico, graduação, especialização, mestrado e doutorado. Cursos livres, pré-vestibular e idiomas não vale.

Quer saber mais sobre a Carteirinha do Estudante e como conseguir a sua? Se liga nesse post até o final!

MATRICULE-SE EM UM CURSO DE GRADUAÇÃO DE QUALIDADE DA ESTÁCIO!

Leia também: Conheça 8 vantagens em ser universitário e garanta já sua vaga

Quais os benefícios da Carteirinha Estudantil?

A carteirinha do estudante tem a função de comprovar o vínculo do aluno com uma escola, colégio, universidade, faculdade ou outra instituição de ensino. A criação do documento foi ideia da União Nacional dos Estudantes (UNE), lá em 1940, mas foi em 2013 que foram regulamentadas algumas regras como a da meia-entrada, por exemplo.

Na versão 2021 do documento oficial constam as seguintes informações: nome e foto do estudante, instituição ao qual está vinculado, o curso, o nível de formação, o CPF, o RG, a data de nascimento e a matrícula. Além disso, há um QR Code onde podem ser acessados mais dados do aluno na internet.

Abaixo vamos listar alguns do principais benefícios da carterinha de estudante:

Meia-entrada

Esse é sem dúvida o benefício mais buscado pelos estudantes que procuram pela carteirinha. Como falamos anteriormente, apenas em 2013 o governo federal sancionou uma lei para organizar o benefício no Brasil (Lei 12.933/13). Em suma, essa lei federal prevê que estudantes da educação básica à pós-graduação têm o direito de pagar a metade do valor do ingresso em algumas situações.

Nesse caso, você tem direito ao benefício em salas de cinema, teatros, espetáculos musicais e circenses, eventos educativos, esportivos, de lazer e de entretenimento, sempre respeitando o limite de 40% da capacidade de cada local. Realmente, é um benefício e tanto para os estudantes que vivem com a grana apertada e querem ter vida cultural ativa.

Leia também: Saúde mental dos estudantes: como manter o equilíbrio na faculdade

Ajuda no metrô, trem e ônibus

Fique ligado porque a meia-entrada também vale para pagar a metade das passagens de metrô, trem e de ônibus da sua cidade. Mas é preciso verificar as regras em cada município para conseguir o passe escolar. Pesquise se a sua cidade também oferece o “Passe Livre” para estudantes, principalmente de instituições públicas, que concede isenção total da tarifa. Procure também por descontos nos transporte intermunicipal e como funcionam.

Descontos especiais

Além da meia-entrada, algumas empresas também oferecem descontos especiais em produtos e serviços a estudantes com a carteira estudantil. Principalmente, instituições de ensino superior, que ofertam cursos mais em conta, além de serviços e produtos relacionados ao lazer e à cultura.

Ajuda para a tecnologia

Um estudante precisa ter um celular e um computador que acompanhe seus estudos, e não atrapalhe. Ou seja, para estudar sem se incomodar com travamentos ou lentidão no equipamento. Há algumas empresas no mercado que ofertam descontos interessantes para estudantes com carteirinha adquirirem computadores e acessórios.

Em relação à sistema operacional para seu computador, uma excelente opção é buscar pelo Office 365, da Microsoft, disponibilizado de forma gratuita a estudantes e professores. Se você trabalha com softwares de design, pode procurar pelo pacote promocional na Adobe com até 60% de desconto.

Leia também: 5 benefícios e bons exemplos de gamificação na educação

Quem pode emitir a Carteirinha de Estudante?

Pela lei federal, apenas alguns órgãos no país estão habilitados a emitir a carteirinha estudantil oficial que vale em todo o território nacional. A principal delas é a União Nacional dos Estudantes (UNE). No entanto, centros e diretórios acadêmicos da sua própria faculdade, por exemplo, podem fazer a emissão do documento. O valor é único: R$ 35.

Independente do órgão ao qual você solicitar o documento, o banco de dados é unificado, o que previne fraudes. O primeiro passo para você conseguir a sua é entrar em contato com o diretório acadêmico do seu curso, ou a representação estudantil da sua instituição de ensino.

No entanto, em tempos de aulas não-presenciais por conta da pandemia do novo coronavírus, um caminho mais óbvio é poder solicitar a carteirinha pela internet. Nesse caso, basta acessar o site da UNE. É possível fazer o pagamento via boleto ou até pelo cartão de crédito. Mas é preciso apresentar alguns documentos. Vamos detalhar quais são eles.

Confira os documentos necessários

  • Um documento de identificação: RG, Passaporte, CNH (Carteira Nacional de Habilitação) ou RNE (Registro Nacional de Estrangeiros);
  • Uma foto 3X4 recente parecida com a de outros documentos, de frente, com fundo neutro e sem cabelo cobrindo o rosto;
  • Comprovante de Matrícula da sua instituição de ensino (com timbre da faculdade para comprovar autenticidade e atualizado).

Segundo as orientações da UNE, todos os documentos acima devem estar digitalizados, principalmente, em caso de solicitação pela internet. Mas isso pode ser feito com a câmera do seu próprio celular.

A validade da carteirinha vai até o dia 31 de março do ano posterior ao da emissão, de acordo com a lei.

Como solicitar a carteirinha estudantil pelo site da UNE

Veja abaixo os principais passos para solicitar a carteirinha estudantil pela internet no site da UNE.

  • Cadastro: crie uma conta no site da UNE. Você pode também entrar direto com seu Facebook;
  • Pagamento: faça o pagamento de R$ 35 + frete (calculado de acordo com o CEP e modalidade de entrega) via boleto ou cartão de crédito.
  • Carregamento dos documentos: separe os documentos necessários e carregue na área do site. Aguarde a aprovação, que pode demorar até 48h.
  • Acompanhamento do pedido: na aba “detalhes de entrega” você tem acesso ao código de rastreio dos Correios ou transportadora.
  • Entrega: a chegada do documento demora em média 10 dias úteis. Porém, assim que seus documentos pessoais são aprovados você já tem acesso a uma carteirinha provisória que pode ser usada até a definitiva chegar;
  • Validação: ao chegar na sua casa, o documento precisa ser desbloqueado no próprio site da UNE. Viu como é fácil?

Carteirinha estudantil: faça já a sua!

Viu como é fácil fazer a sua carteirinha estudantil? Além da cobiçada meia-entrada, você pode utilizar o documento em todo o território nacional sem se incomodar. Aproveite esse benefício.

Acompanhe mais informações sobre cursos, bolsas, mercado de trabalho e dicas no blog da Estácio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui