O mercado de trabalho pede muito a presença de profissionais da Tecnologia da Informação (TI). E as razões são óbvias: atualmente não vivemos ou trabalhamos sem algum tipo de tecnologia. Não à toa, muita gente procura a faculdade de TI para conseguir aproveitar a alta do segmento e, claro, um bom salário.

Existem diversas opções de curso na área, cada um com suas características, pontos positivos e negativos. Por isso, é bem comum olhar para a lista de opções e pensar: mas qual faculdade de TI eu deveria fazer?

Bom, aí entra o nosso trabalho. Pensando em te ajudar na escolha e também em abordar um tema muito importante, separamos três das melhores opções de cursos de TI, presentes em diversas universidades. Ah, e vamos te falar um pouco do mercado na área.

Saiba mais: Profissões em alta: confira a lista de carreiras promissoras em 2022

O que é TI?

Antes de abordarmos as possibilidades de emprego no segmento, é legal entender bem do que se trata a Tecnologia da Informação.

Podemos considerar esse termo como a união das técnicas e plataformas que produzem, armazenam e enviam dados e informações.

Todo o aparato tecnológico, com hardware e software, é base para o trabalho na área. Assim, computadores, e-mails, banco de dados, sistemas operacionais e até mesmo o acesso à internet compõem a atuação do profissional.

No passado, o técnico era conhecido por seu trabalho no conserto de impressoras ou outras ferramentas tecnológicas, geralmente ligadas a um escritório. Porém, com o tempo, esse profissional foi ganhando mais importância, sendo essencial em empresas dos mais diversos tipos e portes.

O mercado da Tecnologia da Informação

Segundo a Associação Brasileira de Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom), só no primeiro trimestre de 2021 foram gerados 52 mil novos postos de trabalho para profissionais da área. Só para esclarecer: dentro de um cenário de pandemia, causado pela Covid-19.

Sim, podemos considerar o segmento de TI como um dos melhores e mais proeminentes. Mesmo num momento onde quase todas as vertentes perderam dinheiro e vagas de emprego, a TI seguiu firme e forte e ainda ampliou sua importância.

Só isso já ajuda a ilustrar como o mercado de trabalho para o técnico em TI está em ascensão. Porém, também ajuda a quantidade grande de cargos diferentes que o formado pode seguir.

Lembra quando falamos sobre a versatilidade da TI? Então, aqui dá pra ver certinho como isso é verdade. Veja os principais empregos:

Faculdade de TI: Veja as opções

Uma razão para seguir na área você já tem: grandes possibilidades de emprego. Agora é preciso verificar qual faculdade de TI você vai seguir para desenvolver uma carreira no segmento de tecnologia.

Assim, separamos três dos cursos mais interessantes. Porém, antes de escolher o seu, é importante se atentar a modalidade de cada faculdade e se ela é aprovada pelo Ministério da Educação (MEC) e possui boas avaliações.

Gestão de Tecnologia da Informação

A primeira faculdade de TI é a de Gestão da Tecnologia da Informação, um tecnólogo completo da área. Nele, o aluno desenvolve competências para administrar a infraestrutura de ambientes informatizados, seja no hardware ou software. Além disso, a faculdade ensina como gerenciar sistemas operacionais e bancos de dados dos mais diversos tipos. 

Como é um tecnólogo, o aluno fica por dois anos estudando as principais demandas do mercado e sai pronto para atuar em empresas. Na grade curricular, você entra em contato com muitas matérias de exatas, mas também explora outras vertentes, como Engenharia de Software, Fundamentos da Inteligência Artificial e Direito e Ética na Computação.

Ciência da Computação

Essa graduação é mais focada para quem deseja trabalhar em programação, ou seja, no desenvolvimento de softwares. A Ciência da Computação vai te dar as bases de várias linguagens, como C#, Java Script e Python e será primordial para que consiga entender tudo sobre os sistemas operacionais.

A parte mais legal do curso é sua multidisciplinaridade. Se engana quem pensa que você só lida com computadores. Na prática, o aluno entende como desenvolver sites, sistemas de trabalho para empresas especializadas e até mesmo aplicativos de celulares. Convenhamos, parece bem interessante, não acha?

Análise e Desenvolvimento de Sistemas

Outro tecnólogo, essa faculdade de TI também está bem voltada para a programação, mas possui duração menor, se comparada a Ciência da Computação. Por isso, os temas são mais direcionados às demandas das empresas, ainda que o aluno aprenda o principal das linguagens de programação.

Se escolher esse curso, vai saber como analisar, projetar e manter sistemas computacionais dos mais diversos tipos. Com isso, se você quer uma faculdade rápida, mas muito completa, a Análise e Desenvolvimento de Sistemas é a melhor opção.

Leia mais: Graduação Desenvolvimento Full Stack Estácio: veja mais aqui

Qual faculdade de TI é a sua escolha?

Opção não falta. O importante é lembrar de estudar bastante e se dedicar, afinal, são cursos complexos e com muita importância para empresas.

Segue lendo as produções do nosso blog e continue bem informado sobre educação e tudo da Estácio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui