Em tempos de celulares com câmeras fotográficas cada vez melhores, a impressão que dá é que todo mundo pode ser fotógrafo. Entretanto, a verdade é que para trabalhar profissionalmente com fotografia o mercado de trabalho ainda prefere quem tem cursos e graduação na área.

Pensando nisso, a Universidade Estácio de Sá oferece o curso tecnólogo em Fotografia, com dois anos e meio de duração. O foco da graduação é na fotografia digital, quesito essencial para quem quer ser fotógrafo profissional hoje em dia.

Muito mais do que uma câmera na mão, a fotografia é uma arte que une estética, enquadramento, proporção e técnicas de registro e tratamento de imagem. Devido a isso, o curso de graduação em Fotografia dá toda a base para o estudante seguir carreira e obter sucesso na vida profissional. Neste post, vamos abordar detalhes sobre o curso, além de dar dicas para se destacar durante a graduação em fotografia.

CONHEÇA MAIS SOBRE O CURSO DE GRADUAÇÃO EM FOTOGRAFIA DA ESTÁCIO

Curso de graduação em Fotografia

O curso superior de fotografia pode ser feito em duas modalidades: bacharelado ou tecnológico. Abordaremos este último para que você possa se inscrever o mais rápido possível nesse curso oferecido pela Estácio de Sá.

Como dissemos, o curso de graduação em Fotografia na modalidade tecnólogo tem duração de dois anos e meio e é feito presencialmente. O foco principal do curso é a prática do profissional. O início da graduação conta com aulas teóricas, mas a maior parte do curso se dá na prática, com base em estudos de técnicas, linguagens, luz, cor da fotografia.

O objetivo do curso de graduação em Fotografia é preparar o estudante para ser um profissional completo, pronto para atuar em diversos setores do mercado, como moda, publicidade, decoração, entre outros.

Saber utilizar o equipamento de maneira eficiente, ser capaz de produzir, captar, finalizar e tratar as imagens também são preocupações da Universidade Estácio de Sá. Durante o curso, os alunos tem à disposição equipamentos modernos e oportunidades de participar de palestras com grandes nomes da fotografia atual.

Outra vantagem é a boa infraestrutura que a Estácio oferece. Os alunos têm acesso a laboratórios fotográficos para revelação e ampliação, além de estúdios para produção.

A melhor maneira de aprender a fotografar é praticando, e para isso os alunos desenvolvem atividades fora do campus. São aulas no exterior da Universidade e em outros locais, como parques da região, com objetivo de agregar também o portfólio do futuro fotógrafo.

Grade curricular do curso de graduação em Fotografia

O curso de Fotografia da Estácio mistura teoria e prática durante toda a graduação. Os alunos têm aulas de Ética, História da Arte e da Fotografia. Após a teoria, passam a praticar a profissão em laboratórios e estúdios internos com as disciplinas de Fotografia Publicitária, Fotojornalismo, Direção Fotográfica e Fotografia de Moda.

Confira as matérias da graduação em fotografia:

  • Elementos técnicos da fotografia
  • Estudos sobre luz e cor
  • Introdução à fotografia
  • Linguagem fotográfica e videográfica
  • Planejamento de carreira e sucesso profissional
  • Estudos sobre a forma e composição
  • Fotografia digital
  • Fotojornalismo
  • Manipulação de imagens digitais
  • Mercado cultural, formatos de captação e parcerias
  • Estética da imagem
  • Foto publicidade
  • Prática fotográfica em estúdio
  • Prática fotográfica laboratorial
  • Produção fotográfico e cultural
  • Cultura visual
  • Fotografia de moda
  • Fotografia industrial e arquitetura
  • Manifestações culturais e espaço urbano
  • Marketing, convergência e conexão
  • Projeto e montagem de portfólios
  • Técnicas avançadas em fotografia
  • Teoria e prática da linguagem visual
  • Competências em tecnologia da informação e comunicação
  • Desenho e formatação de negócios digitais
  • Design thinking
  • Fotografia científica
  • Fotografia de paisagens
  • Patrimônio cultural brasileiro
  • Pesquisa e documentação fotográfica
  • Produção e ensaio fotográfico

Perfil do profissional em fotografia

O fotógrafo precisa ser uma pessoa criativa e dominar bem os equipamentos fotográficos. Além de saber fotografar, a finalização do processo com tratamento de imagem, utilizando photoshop, por exemplo, faz diferença toda a diferença no trabalho final.

Outra qualidade indispensável para ser um fotógrafo completo é saber gravar vídeos e editá-los. Além da criatividade e sensibilidade, o fotógrafo deve possuir conhecimento de planejamento, execução e coordenação de trabalhos fotográficos. Assim, o profissional pode apostar em trabalhar de forma autônoma ou coordenar equipes.

Mercado de trabalho

A fotografia se encaixa em quase todos os setores, e o mercado de trabalho é bastante amplo. Além do diploma, é importante ter cursos de especializações, item que faz toda a diferença na hora de contratarem.

O fotógrafo tem a opção de trabalhar com carteira assinada ao prestar serviços para jornais, revistas, assessorias de imprensa e agências de notícias e publicitária.

Pode também atuar como freelancer em escritórios de arquitetura, construtoras, bancos de imagens e empresas organizadoras de eventos, além de produtoras cinematográficas que recrutam o profissional para fotos e produção de vídeos.

Para entrar no mercado de trabalho logo após a graduação é interessante construir uma rede de contatos e um portfólio para ser apresentado nas entrevistas de emprego. Para isso, logo abaixo vamos dar dez dicas de como se preparar durante a graduação para fazer bonito no mercado de trabalho.

10 dicas para se destacar durante graduação em Fotografia

Portfólio

Crie o seu portfólio durante as práticas do curso de graduação em fotografia. Aproveite a presença do professor para fazer boas fotos que possam fazer parte do seu álbum de imagens.

Ele vai servir como um mostruário do seu trabalho nas entrevistas de emprego. A maioria das vagas pede que o portfólio seja enviado antes, então garanta logo um ótimo portfólio.

Networking

Crie uma rede de contatos, esteja a par dos fotógrafos de onde você mora. Puxe assunto, peça dicas, mesmo que seja pelas redes sociais. Estar conectado com outros fotógrafos faz toda a diferença. Quando surgir um trabalho de fotografia, pode até ser que chamem você para participar.

Publique suas fotos

Hoje em dia há diversas redes sociais focadas em fotografia. Então use e abuse delas. Mostre o seu trabalho, interaja com quem curte e comenta suas publicações. Poste suas fotos e não se esqueça de mostrar também os bastidores. Um exemplo é mostrar como a ideia da foto foi criada e como ela foi feita.

Tenha equipamento próprio

Sabemos que um equipamento de fotografia não é barato, mas comece pequeno. Compre uma câmera mais simples, que seja de segunda mão, mas mantenha ela sempre perto de você. Existem situações no dia a dia que podem render boas fotos e aí já é mais uma fotografia para o seu portfólio.

Invista em cursos

Quanto mais cursos de fotografia, melhor. Invista em cursos de fotografia, online ou presenciais. Existem diversas opções de especializações que podem ser feitas durante a graduação. Cursos de photoshop, illustrator e de edição de vídeos são ótimos agregadores para o seu currículo. Pode contar que eles fazem diferença na hora de contratar um fotógrafo.

Abuse da criatividade

Todos nós somos criativos, mas o fotógrafo precisa ter essa característica mais forte ainda. A criatividade do fotógrafo faz com que o seu trabalho chame atenção de muita gente da área. Ouse e experimente as diversas maneiras de fotografar.

Faça estágios

Trabalhar como assistente de fotografia é a maneira mais comum de iniciar sua carreira na fotografia. Vá atrás de estágio ou ofereça-se para ser assistente de fotografia. A melhor forma de aprender é praticando sempre, e como assistente você pode também aprende muito ao observar como o fotógrafo profissional atua.

Estude sobre a fotografia

Saber a história da fotografia e quem foram os maiores fotógrafos dos últimos tempos é uma maneira de ampliar a noção sobre o seu futuro trabalho. Entender as técnicas usadas por cada fotógrafo e colocá-las em prática pode salvar sua vida em um projeto fotográfico.

Treine seu olhar fotográfico

É bem diferente o olhar de um fotógrafo em relação a outras pessoas. O fotógrafo tende a observar tudo de um ângulo diferente. É como se analisasse cenas e já as colocasse em um enquadramento. O profissional sabe o que colocar em cena e o que retirar. Você tem toda a sua graduação para treinar esse olhar.

Participe de concursos

Não ache que por ainda estar cursando a graduação você não tem capacidade nem talento para participar de um concurso fotográfico. Invista no seu talento e arrisque mandar fotos de autoria própria para as seleções.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui